Equador declara estado de emergência ambiental nas Ilhas Galápagos

O Equador declarou estado de emergência ambiental nas Ilhas Galápagos, uma semana depois do naufrágio de um navio que transportava poluentes, informaram as autoridades em comunicado.

A medida, divulgada pela Comissão de Operações de Emergência, visa a responder rapidamente a eventuais problemas ambientais nas ilhas, classificadas pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como patrimônio mundial.

O estado de emergência vai “permitir que as autoridades disponham de recursos imediatos para lidar com a situação”, disse um porta-voz do Parque Nacional de Galápagos.

Em 28 de janeiro, um navio encalhou na baía das ilhas, com 1.400 toneladas de produtos a bordo, incluindo materiais perigosos, como combustíveis e gás doméstico.

Esta é a segunda vez que o Equador declara estado de emergência ambiental no arquipélago. Em maio, outro navio com combustível e lubrificantes naufragou.

Da Ag. Lusa

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.