As eleições em Araquari (SC)

A velha Paraty, hoje Araquari, cidade que mais cresce no norte de Santa Catarina, cortada pela BR 280 ainda em pista simples e BR 101, terá uma eleição polarizada entre o PSDB do atual Prefeito e o MDB. Fechada a janela de filiações e concluídas as movimentações políticas no município, a cidade deverá contar com pelo menos cinco partidos com nominatas fechadas, isso a se confirmar logo mais à frente quando do registro das candidaturas.

PSDB, PSL, MDB, Podemos e Republicanos trabalharam em busca das lideranças e pré-candidatos. Partido que não disputar pode sumir após estas eleições. O ninho tucano que possui seis dos 13 vereadores da cidade e é o partido do prefeito Clenilton Pereira aposta suas fichas em manter o número de cadeiras que possui atualmente. O partido se reforçou com bons nomes e planeja conquistar até mais uma cadeira no legislativo.

PSL na área
O atual vice-Prefeito, Gordo Jasper, anunciou no final de março sua troca de partido. Migrou do PR para o PSL do governador Carlos Moisés levando o seu time de lideranças, entre as quais os três vereadores. O PSL e o Vice esperam manter as atuais cadeiras. O ex-Presidente da Câmara de Vereadores e candidato a reeleição, Célio Gomes, é a principal aposta. Gordo Jasper quer ser novamente o candidato a vice com Clenilton.

Na oposição
O
MDB prepara sua candidatura a Prefeitura e também uma chapa completa de candidatos a vereador. Atualmente o partido tem três vereadores e conta com dois nomes para a majoritária. Ou vai com a Presidente do Sindicato dos Servidores, Katya Cardoso, ou com o vereador Cris Bertelli, com mais chances para ela. Os emedebistas querem ampliar sua base na Câmara.

Com Clenilton
Já o Podemos que estréia na eleição municipal de 2020 contará com a presença do Vereador Sid do Itinga que migrou do PSB e deverá ser o protagonista da chapa. O partido trabalha para ocupar entre uma e duas vagas e não lançará candidato a majoritária. Vai compor o time do Prefeito.

Republicanos também estreia
Outro estreante na eleição de 2020 será o Republicanos. O partido, que tem forte ligação com o eleitorado evangélico, deverá lançar chapa completa de candidatos a vereador. A aposta está em Jeferson Petry, que é um dos principais nomes da legenda para a eleição desse ano. Petry é suplente de deputado estadual e é diretor no Procon de Araquari. O partido informou que não deverá lançar candidatura majoritária em 2020, e deve estar com Clenilton na sua reeleição.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.