Senadores se posicionam a favor do isolamento social

Na contramão de declarações recentes do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o Senado elabora um manifesto a favor do isolamento social como medida para evitar a propagação do coronavírus.

O documento foi proposto pelo próprio líder do governo no Senado, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), e recebeu a aprovação de todos os demais líderes em reunião hoje, afirmou o vice-presidente da Casa, senador Antonio Anastasia (PSD-MG). Ele comanda o Senado enquanto o presidente, Davi Alcolumbre (DEM-AP), se recupera da infecção pelo coronavírus

“Houve aquiescência de todos. O manifesto é a favor do isolamento”, disse Anastasia. A declaração dos senadores busca ressaltar a importância de, quem puder, não sair de casa a fim de não transmitir o coronavírus. Mesmo assintomáticos podem espalhar o vírus. O isolamento social é recomendado pelo Ministério da Saúde e pela OMS (Organização Mundial da Saúde). O ato marca um posicionamento formal do Senado contra atitudes de Bolsonaro, como ignorar o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM), e fazer um tour por Brasília ontem.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.