Deter lança em SC o aplicativo Fiscal Cidadão

PalavraLivre-deter-aplicativo-materiaO Departamento de Transportes e Terminais – DETER, autarquia ligada a Secretaria de Estado da Infraestrutura de Santa Catarina que gerencia o o sistema de transporte rodoviário no estado lançou uma nova ferramenta para facilitar a organização e cooperação dos principais atores no transporte.

O Programa Fiscal Cidadão – DETER é um projeto piloto cujo objetivo é disponibilizar ao usuário do sistema de transporte intermunicipal de passageiros no estado de Santa Catarina uma ferramenta ágil e dinâmica capaz de propiciar e fomentar maior participação e cooperação entre todos os atores envolvidos na estrutura do transporte coletivo rodoviário e urbano de passageiros, quais sejam: as empresas transportadoras, o órgão regulador do serviço e primordialmente as pessoas transportadas.

Toda pessoa que disponha de aparelho com acesso a rede mundial de computadores (internet) poderá baixar gratuitamente o aplicativo FISCAL CIDADÃO DETER nas lojas virtuais oficiais da Google (Play Store) e da Apple (Apple Store).

Uma vez instalado o dispositivo, o passageiro ou empresa poderá realizar uma denúncia ou reclamação, sobre quaisquer aspectos que englobem: empresa operadora, condições de veículo, comportamento de funcionários e demais usuários e da operação do serviço em si.

O usuário também conta com a opção de realizar elogio ou de externar sugestões sobre qualquer fato ou postura profissional inerente ao respectivo serviço.

Sua utilização é simples e intuitiva. Ao clicar sobre o ícone do aplicativo abrirá a tela inicial onde o usuário deverá informar o caráter de sua solicitação, optando por denúncias e reclamações ou sugestões e elogios.

Caso o demandante escolha a primeira opção, deverá indicar se o objeto da reclamação ou denúncia trata-se de veículo (ônibus, microonibus ou van) ou de uma empresa (operadora do serviço de transporte de passageiros, agência de venda de passagens, administradora de terminal rodoviário de passageiros e qualquer outra cuja atividade relacione-se com o transporte intermunicipal de passageiros).

A seguir, deverá indicar se o serviço é intermunicipal ou municipal. Uma vez que o DETER somente regula e fiscaliza o transporte entre municípios distintos dentro do estado catarinense, o aplicativo só permitirá que o usuário prossiga em sua demanda caso clique na alternativa intermunicipal.

Na hipótese que o usuário clique na opção municipal aparecerá uma caixa de mensagem informando “Atenção! – O Deter é responsável somente pelo transporte de passageiros entre municípios de Santa Catarina. Você deverá encaminhar sua solicitação para a fiscalização de sua cidade”.

Sendo o serviço do tipo intermunicipal o aplicativo seguirá pedindo a identificação do veículo ou da empresa conforme o caso e após a classificação sobre o teor da solicitação será disponibilizado espaço para que o passageiro discorra e contextualize sua demanda. O aplicativo ainda permite anexar fotografias que ilustrem a situação descrita.

O propósito essencial do projeto Fiscal Cidadão é oportunizar aos transportadores e transportados um canal direto com a instituição disciplinadora do sistema.

A partir das informações advindas da participação destes usuários o Deter poderá direcionar suas ações fiscalizatórias e operacionais de maneira a tornar o transporte intermunicipal de passageiros regional mais eficiente, confortável, regular e prioritariamente seguro.

Com informações da Assessoria de Imprensa do DETER 

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.