Pacientes com doença renal crônica têm novos serviços

doençasAs pessoas que sofrem com doenças renais têm algumas conquistas a comemorar. É que a Secretaria de Atenção à Saúde acaba de autorizar a inclusão de novas ações na tabela de procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS) referentes a procedimentos ligados ao cuidado da pessoa com a doença renal crônica. Medida foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (7).

Uma das novidades se refere à medicação. Segundo a portaria, a partir de agora o SUS vai cobrir as dosagem de hemoglobina glicosilada, de sódia, de 25 hidroxi vitamina D, de hormônio tireoestimulante e de Tiroxina.

Os pacientes também terão direito a hemocultura (que pesquisa bactérias no sangue), exame de caracteres físicos com contagem global e especifica de células, gasometria, entre outros.

Com as novas medidas consideradas na tabela de procedimento do SUS, pacientes portadores do vírus HIV terão direito a pesquisa de anticorpos iGG contra antigeno central da hepatite B.

Para hemodiálise pediátrica, a criança com  problema renal terá direito a ultrassonografia do aparelho urinário e eletrocardiograma.

Nos casos de pacientes no estágio pré diálise, dosagens de cálcio, creatinina, fósforo, proteínas, potássio, ferro sérico, ureia, entre outros, também foram incluídas na tabela.

Do Portal Brasil.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.