Últimos dias para se inscrever nos cursos do IFSC

Na região Norte, são 671 vagas para Canoinhas, Joinville e Jaraguá do Sul

 

Terminam na próxima quarta-feira (6) as inscrições para o processo seletivo de ingresso em cursos técnicos e de graduação do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). Ao todo, são 3.311 vagas em 101 cursos distribuídos em 18 cidades do estado: Araranguá, Caçador, Canoinhas, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Garopaba, Gaspar, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joinville, Lages, Palhoça, São José, São Miguel do Oeste, Tijucas, Urupema e Xanxerê. As aulas para todos os cursos começam no primeiro semestre de 2014.

Na região Norte, são 671 vagas nos câmpus Canoinhas, Joinville, Jaraguá do Sul e Geraldo Werninghaus (também em Jaraguá do Sul). As inscrições devem ser feitas no Portal de Ingresso do IFSC (www.ingresso.ifsc.edu.br), onde também estão disponíveis os editais com todas as informações detalhadas sobre o processo seletivo. Para cursos técnicos e de graduação, o prazo final para inscrições é 6 de novembro. Apenas para os cursos Proeja e técnicos do Câmpus Palhoça Bilíngue, voltados para a educação de surdos, o prazo vai até 2 de dezembro.

Há computadores disponíveis para inscrição em todos os câmpus do IFSC, para candidatos que não possuem acesso à Internet. Em caso de dúvidas, o candidato pode entrar em contato com o Departamento de Ingresso do IFSC pelo telefone 0800 722 0250. A ligação é gratuita.

A taxa de inscrição para os cursos técnicos é de R$ 30 e para os cursos de graduação é de R$ 40. Para os cursos Proeja e cursos técnicos do Câmpus Palhoça Bilíngue, a inscrição é gratuita para todos os candidatos.

O vestibular para os cursos de graduação será realizado em 24 de novembro. Já o exame de classificação (prova) para os cursos técnicos está marcado para 8 de dezembro. Os cursos Proeja dos câmpus Chapecó e Florianópolis-Continente e os cursos técnicos do Câmpus Palhoça Bilíngue terão como processo seletivo a análise socioeconômica. Por fim, os cursos Proeja dos câmpus Palhoça Bilíngue e Urupema vão selecionar os candidatos por meio de sorteio. A lista dos candidatos aprovados para cursos Proeja será divulgada em 11 de dezembro, e para cursos técnicos e de graduação, em 20 de dezembro.

Entenda os tipos de cursos

O IFSC oferece três tipos de cursos técnicos: integrado, concomitante e subsequente. Nos cursos integrados, o aluno cursa o Ensino Médio junto com o técnico no IFSC. Nos cursos concomitantes, o aluno faz o curso técnico no IFSC ao mesmo tempo em que faz o Ensino Médio em outra escola. E, para os cursos técnicos subsequentes, o aluno deve já ter o Ensino Médio completo e só faz o curso técnico no IFSC. Os cursos técnicos do Câmpus Palhoça Bilíngue, especializado na educação de surdos, têm aulas em língua portuguesa e em língua brasileira de sinais (Libras).

Os cursos de graduação também são divididos em três tipos: bacharelado, licenciatura e superiores de tecnologia. Os cursos de bacharelado são as Engenharias que, por serem mais abrangentes, possibilitam uma área de atuação maior. Os cursos de licenciatura são destinados à formação de professores para atuar na Educação Básica. Já os cursos superiores de tecnologia, também conhecidos como tecnólogos, são graduações de formação especializada em determinado eixo tecnológico.

Já os cursos Proeja integram a educação profissional técnica ou de formação inicial e continuada (FIC) com a educação de jovens e adultos (EJA) de nível fundamental ou médio.

Reserva de vaga

O IFSC possui reserva de vaga para candidatos que estudaram em escolas públicas. Do total de vagas ofertadas em cada curso, 50% delas são reservadas para candidatos que estudaram em escola pública. Dentro desse percentual, há ainda a reserva de vaga para candidatos de baixa renda e para candidatos que se autodeclarem pretos, pardos ou indígenas. Os cursos Proeja FIC (câmpus Palhoça Bilíngue e Urupema) são os únicos que não possuem reserva de vagas, já que seu processo seletivo é por sorteio.

Para se inscrever através do sistema de cotas para os cursos técnicos e Proeja é necessário ter cursado todo o Ensino Fundamental em escola pública. Já para se inscrever nos cursos de graduação o candidato deve ter cursado todo o Ensino Médio em escola pública. Os candidatos que não se enquadram nessas situações, devem, no momento da inscrição, selecionar a opção ampla concorrência.

O detalhamento do sistema de cotas pode ser conferido nos editais.

Cursos oferecidos na região para início em 2014/1

Câmpus Canoinhas
Técnico concomitante de Agroecologia (vespertino)
Técnico concomitante de Agroindústria (noturno)
Técnico concomitante de Edificações (noturno)
Técnico concomitante de Informática (noturno)

Câmpus Geraldo Werninghaus (em Jaraguá do Sul)
Superior de tecnologia em Fabricação Mecânica (noturno)
Técnico subsequente de Eletrotécnica (noturno)
Técnico subsequente de Eletrotécnica (vespertino)
Técnico subsequente de Mecânica Industrial (noturno)
Técnico subsequente de Mecânica Industrial (vespertino)

Câmpus Jaraguá do Sul
Licenciatura em Ciências da Natureza com habilitação em Física (vespertino)
Técnico integrado de Química (matutino)
Técnico subsequente de Malharia (noturno)
Técnico subsequente de Malharia (vespertino)
Técnico subsequente de Produção e Design de Moda (noturno)
Técnico subsequente de Vestuário (vespertino)

Câmpus Joinville
Superior de tecnologia em Gestão Hospitalar (noturno)
Superior de tecnologia em Mecatrônica Industrial (noturno)
Técnico concomitante de Eletroeletrônica (noturno)
Técnico concomitante de Mecânica (noturno)
Técnico integrado de Eletroeletrônica (vespertino)
Técnico integrado de Mecânica (matutino)
Técnico subsequente de Enfermagem (matutino)

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.