Defensoria Pública da União orienta comunidade no Centro de Convivência do Idoso em Joinville (SC)

Orientações para o acesso à assistência jurídica gratuita serão repassadas à comunidade nesta sexta-feira (6/9), no Centro de Convivência do Idoso (CCI). A Defensoria Pública da União estará no local, a partir das 9 horas, para esclarecer dúvidas e informar os moradores sobre a atuação da Defensoria no município.

A iniciativa foi articulada por uma solicitação do CCI, que reconhece a importância de cada cidadão conhecer seus direitos. “Muitas vezes as pessoas desconhecem os serviços à que tem direito e as ações desenvolvidas pela Defensoria Pública são muito importantes para o cidadão. Faremos este evento com o objetivo de informar a comunidade”, conta Estefânia Rosa Basi, coordenadora do CCI.

No período da manhã os profissionais da Defensoria Pública irão ministrar uma palestra que esclarecerá o trabalho deste órgão no município, evidenciará quem tem direito ao atendimento, quando a pessoa pode procurar a Defensoria, entre outras questões. Já na parte da tarde será realizado atendimento individual, para o esclarecimento de situações específicas.

Enquanto os pais tiram suas dúvidas, as crianças poderão passar o tempo em uma sala lúdica que contará com brincadeiras, jogos, vídeos e contação de histórias. No período da tarde também acontecerão oficinas de confecção de bijuteria e pintura em madeira, abertas à participação do público. O Centro de Convivência do Idoso fica na rua República da China, bairro Floresta.

A Defensoria Pública da União é a instituição que presta assistência jurídica gratuita ao cidadão, e toda pessoa que não tem condições de pagar pelo serviço de advocacia pode solicitar esta assistência. O órgão pode atuar em questões previdenciárias, criminais, trabalhistas, de Direitos do Consumidor, Direitos Humanos, Direitos do Estrangeiro, questões tributárias, de alimentação, saúde, dívidas de cartões de crédito e cheques especiais, por exemplo. Em Joinville, a Defensoria Pública da União atua na rua Max Colin, nº 188, bairro América.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.