“Só serão desmanchadas as construções sem moradores”, promete Prefeito Udo aos moradores do Juquiá

Na manhã desta segunda-feira, o prefeito Udo Döhler recebeu na Prefeitura uma comitiva de moradores do loteamento Juquiá, localizado no bairro Ulysses Guimarães. Acompanhado do secretário de Habitação, Fábio Dalonso, e do presidente da Fundema (Fundação de Meio Ambiente), Aldo Borges, o prefeito ouviu as reivindicações dos moradores, que cobraram obras de infraestrutura e investimentos em educação.

Os presentes também estavam preocupados com as notificações que receberam da Fundema, que, cumprindo ordem do Ministério Público, solicitou que os moradores deixem a área de ocupação irregular, localizada numa região de mangue. “Ninguém será tirado de sua casa. Só serão desmanchadas as construções sem moradores”, garantiu o prefeito. “Sei que aqui não há arruaceiros, são pessoas de bem que sofrem. Estive no Juquiá, sei dos problemas que vocês enfrentam”, disse Udo.

Com as notificações, será possível controlar novas invasões. Quem não tiver sido cadastrado pela Prefeitura ou não tiver recebido a notificação não terá assegurado o direito à moradia. “Dessa forma, conseguimos congelar a invasão. Porque quem não tiver o registro comprovará que chegou depois”, explica Fábio Dalonso.

Os moradores reclamaram de um trecho de 150 metros, sem pavimentação, no final da rua Dilson Funaro. “Isto será resolvido em curtíssimo prazo”, afirmou o prefeito. Outras reivindicações na pauta dos moradores também estão nos planos da Prefeitura, como a construção de um Centro de Educação Infantil (CEI).

Udo sugeriu que fosse criada uma comissão para representar os moradores. Daqui a 14 dias, o prefeito irá visitar o Juquiá. “Essa comissão irá se reunir regularmente com a Prefeitura, e acompanhar como estamos trabalhando nas reivindicações dos moradores”, assinala o prefeito.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.