Palestra “A cultura surda” – Conheça a primeira pessoa com deficiência auditiva a alcançar o doutorado em linguística

27-03-2013-14-43-23-primeiro-profesor-surdo-de-linguistica-udescO professor, Deonísio Schmitt, natural de Florianópolis, estará em Joinville nesta sexta-feira, 28, para ministrar a palestra “A Cultura Surda”. O evento acontecerá no auditório do bloco F da Udesc, a partir das 13h.

Schmitt é a primeira pessoa com deficiência auditiva do país a alcançar o título de doutor em linguística. Aluno da primeira turma do curso de Pedagogia para surdos da América Latina, é atualmente professor do Centro de Educação a Distância da Udesc (CEAD).

O professor conta que enfrentou muitas barreiras no ensino fundamental, devido às dificuldades de aprendizagem da língua portuguesa por falta de intérprete em sala de aula. “Fui incluído numa turma de alunos ouvintes e só consegui adquirir conhecimento através da leitura labial”, afirma.

Schmitt também é coautor do Caderno Pedagógico de Língua Brasileira de Sinais para educação a distância da Udesc e do Caderno Introdução à Língua Brasileira de Sinais na modalidade a distância da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul).

Após a palestra, o professor fará parte da banca do trabalho de conclusão de curso da aluna Susana Huller, do curso de Licenciatura em Matemática, cujo título é “Aluno Surdo, Professor de Matemática e Intérprete de Libras: O Estudo de um Cenário da Cultura Surda”. Ambos os eventos são abertos à comunidade.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.