Brasil terá Parque de Inovação e Sustentabilidade do Ambiente Construído

O Brasil será o primeiro país da América do Sul a ter o Pisac ( Parque de Inovação e Sustentabilidade do Ambiente Construído), localizado no campus da UnB no Gama, cidade a cerca de 30 quilômetros de Brasília. A missão do parque é ampliar as fronteiras da sustentabilidade no país e viabilizar o desenvolvimento de comunidades verdadeiramente sustentáveis

O Pisac seguirá exemplos de outros países, como a Inglaterra. Em Londres, o parque tecnológico funciona em uma pequena vila com dez casas. No local são realizadas simulações que testam a resistência de vários materiais a efeitos de mudanças climáticas assim como diferentes modelos de construção que prezam o conceito de sustentabilidade.

Serão introduzidas inovações tecnológicas aliadas aos critérios de sustentabilidade na cadeia produtiva da construção, para que no futuro o setor possa se tornar uma atividade com baixo impacto ambiental, com trabalhadores qualificados e um ritmo industrial de produção.

O Pisac conta com a parceria da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), do Laboratório do Ambiente Construído, Inclusão e Sustentabilidade da Universidade de Brasília (LACIS -UnB), do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, do Governo do Distrito Federal e do Building Research Establishment (BRE).

Uol

Autor: Salvador Neto

Jornalista e escritor. Criador e Editor do Palavra Livre, co-fundador da Associação das Letras com sede no Brasil na cidade de Joinville (SC). Foi criador e apresentador de programas de TV e Rádio como Xeque Mate, Hora do Trabalhador entre outros trabalhos na área. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde foi diretor de comunicação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.