Petrobras e UFPR inauguram laboratório para estudo rochas carbonáticas

A Petrobras e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) inauguram, em 24 de março, o Laboratório de Análise de Minerais e Rochas (LAMIR) no Campus Universitário Centro Politécnico. Com 18,5m2 de área construída, o projeto incluiu implantação de infraestrutura laboratorial e o desenvolvimento de métodos complementares de caracterização de rochas, recebendo investimento de aproximadamente um milhão de reais.

Entre as atividades do laboratório está o desenvolvimento de pesquisa para estudo e caracterização de rochas carbonáticas não convencionais, com a integração de uma série de técnicas analíticas, permitindo a aplicação de novas tecnologias à exploração de minerais e rochas em geral.

Além disso, no âmbito do Projeto ISODOL, serão desenvolvidos projetos com a incorporação de dois novos métodos analíticos: microtomografia de Raios X, e espectrômetro de massa para isótopos estáveis de Carbono e Oxigênio.

Na inauguração, estarão presentes o reitor da UFPR, professor Zaki Akel Sobrinho, e o gestor da Rede de Estudos Geotectônicos da Petrobras, Gilmar Vital Bueno.

No período 2006 a 2011, os contratos entre a Petrobras e as instituições de Ciência e Tecnologia (C&T) do Estado do Paraná totalizaram R$56,7 milhões. Destes, 36% voltados para implantação de infraestrutura laboratorial e 64% em projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Nesse mesmo período, foram investidos cerca de R$19 milhões em 21 convênios contratados com a UFPR, entre projetos de infra-estrutura e (P&D).

INFORMAÇÕES, fotos, gravações de áudio e vídeo
EM www.agenciapetrobrasdenoticias.com.br

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.