Um jornal para o governador Pedro Ivo Campos

pedroivoQuando nasci, Pedro Ivo Figueiredo de Campos já era deputado estadual por Joinville. Anos depois, em 1972, ganhou pela primeira vez a Prefeitura de Joinville, sendo o primeiro prefeito eleito pelo MDB – hoje PMDB – nos tempos duros da ditadura militar, e em uma cidade fortemente conservadora e apoiadora do golpe militar. Pelo menos a elite apoiou fortemente. Basta olhar os informativos que as empresas na época, entregavam aos seus funcionários.

Votei nele para ser o nosso Governador. Foi meu primeiro voto. Infelizmente a doença já estava lhe dominando, e seu governo se destacou mais pelo saneamento financeiro – o estado estava quebrado – do que por grandes obras. Com temperamento forte, Pedro Ivo teve grandes dificuldades com a imprensa e até os deputados estaduais. Mas foi uma figura importante para a política catarinense, pois quebrou a hegemonia das oligarquias em Santa Catarina, e foi um defensor dos perseguidos pela ditadura militar. Conheço isso tudo e mais um pouco porque estou editando um jornal sobre a vida de Pedro Ivo.

O trabalho está sendo desenvolvido a pedido do Diretório e Executiva municipal do PMDB, e está sendo muito gratificante porque a história de Pedro Ivo não está documentada como deveria, para que as gerações saibam quem ele foi e o que representou para a nossa sociedade. Na semana que vem, o jornal estará nas ruas.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.