Concertos didáticos nas escolas acerta no alvo

Essa semana ao conversar com meu filho Gabriel, descobri que as escolas municipais estão, algumas delas aliás, recebendo a visita de músicos da cidade. Eles se apresentam com os projetos musicais “Concertos Didáticos sobre a MPB” e “Recitais Comentados”, levando a história da MPB para os estudantes. Os músicos são Alysson Reinert, Cássio Aurélio Menin, Eduardo Mercuri, Lucas Baumer e Rodrigo Mendes.

Os músicos do projeto “Concertos Didáticos” vão contar a história da MPB com a interpretação de composições que marcam o gênero. As apresentações serão realizadas em três horários: às 10h30, 14h30 e 16 horas. O projeto é voltado para os alunos da rede municipal e gratuito. Para saber mais sobre o projeto, acesse concertosmpb.blogspot.com.

O projeto “Recitais Comentados” são realizadas pelo regente, pianista e professor Mário Klemann. O regente aborda a história da música nos gêneros barroco, clássico, romântico e MPB, relacionando compositores e suas obras. O projeto é voltado para alunos da 3ª e 4ª série do ensino fundamental. Estes projetos musicais foram aprovados no Edital 2009 do Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultura (Simdec) da Fundação Cultural de Joinville (FCJ).

Ações como essa merecem o aplauso da sociedade, porque ao levar a cultura para esses estudantes, formamos cidadãos melhores, mais ligados a todas as formas de arte e, quem sabe, não descobrimos ou motivamos novos talentos? A música é um meio maravilhoso de reflexão e mudança. Parabéns a todos os envolvidos nesta atividade, e que ela se repita por muitos anos.

Com informações da FCJ 

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Um comentário em “Concertos didáticos nas escolas acerta no alvo”

  1. .sabias de uma coisa veio guru…..a música deveria sr uma disciplina obrigatória nas escolas atingindo na formação das pessoas…. ELA EDUCA O ESPÍRITO……mesmo para aqueles que não tem tendencia p tal, pelo menos chamaria atenção dele para a arte… e o tornaria mais sensível com certeza….. educar sempre, mas não esquecermos da formção DFO individuo….. valeu… abraço… amigo veio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.