HBM, a nova solução para não perder músculos!

musculosO HMB (b-hidroximetilbutirato) é um metabólico bioativo gerado pelo fracionamento do aminoácido essencial de cadeia ramificada leucina (um dos três aminoácidos de cadeia ramificada que compõem o BCAA). Que são encontrados na dieta em pequenas quantidades nos alimentos ricos em proteínas, tais como peixe e leite. Os seres humanos sintetizam entre 0,3 e 1,0 grama de HMB diariamente, com cerca de 5% sendo provenientes do catabolismo da leucina dietética.

A suplementação com HMB reduz o catabolismo e favorece o ganho de massa magra e força em indivíduos destreinados que iniciantes. Entretanto não é claro quais são o feitos dessa suplementação sobre a força e a mudança na composição corporal durante o treinamento.

Esse metabolito da leucina recentemente foi transformado no suplemento popular que promove ganho de massa magra, perda de gordura corporal e aumenta a força durante o treinamento. A razão? A leucina e alguns metabolitos derivados da mesma inibem a degradação das proteínas no processo denominado proteólise, por exemplo, durante treinamento de força.

Contudo, ainda não se tem clareza sobre sua real eficácia do HBM exogeno contra pondo sobre as hipóteses relacionadas aos mecanismos de ação desse metabolito.

Nota: Já se encontra muitos exemplares desse suplemento nas prateleiras, mas tenha certeza de que esta comprando o HMC correto.

Como?

Vide a formula no rotulo e confirme se há b-hidroximetilbutirato, do contrario não estará comprando o HMB aqui referido, com seus  possíveis efeitos!

* Por Júlio Cesar. Nutricionista formado pela UFMA.  CRN: 10072.

MCARDLE, William D. et al. Fisiologia do Exercício ? Energia, Nutrição e Desempenho Humano. 5.ed. Rio de Janeiro. Guanabara Koogan, 2001.

TALBOTT, S.M.; HUGHES, K. Suplementos dietéticos para profissionais de saúde. Ed. Guanabra Koogan. Rio de Janeiro, 2008.

KREIDER, Richard B et al. Efectos de la Suplementación con β-Hidroximetilbutirato de Calcio (HMB) Durante el Entrenamiento sobre los Marcadores del Catabolismo, Composición Corporal, Fuerza y Rendimiento de Esprint. PubliCE Premium · 2000.

CREATINA: Erros comuns

creatinaMuitas pessoas acreditam que consumir Cr antes do treino vai aumentar seu desempenho. Mas o efeito da creatina só ocorre depois da saturação celular, ou seja, ela tem efeito crônico e não agudo, tem que haver alguns dias de suplementação para obter os resultados, e pode ser consumida em qualquer hora do dia.

Vale lembrar também que seu consumo como de qualquer outros suplemento proteico/aminoácido no pré-treino é um desperdício pois o corpo vai queima-los para o gasto energético e não para função de anti-catabólica. Estudos mostram que com 15-20 dias de suplementação já é possível notar diferença na concentração celular. E costuma ser bem melhor absorvida quando ingerida junta a CHO. Assim é preferível e mais eficaz o consumo no pós-treino associado a carboidratos e proteínas, visto que esses nutrientes somados a níveis elevados de insulina otimizam a absorção. Lembre-se que no período pós-treino seu corpo está avido por energia visto que houve depleção dos estoques de glicogênio corporal.

Para indivíduos que tenham metabolismo baixo e o consumo de carboidratos nessa fase não é recomendável por diminuir na performance da lipolise o uso de BCAA’s otimiza a absorção de creatina.

       *Escrito por Júlio Cesar. Nutricionista formado pela UFMA, especialista em treinamento desportivo.  CRN: 10072.

Saúde do trabalhador joinvilense será discutida em conferência

saúdeJoinville realiza na sexta-feira (30) e nos sábado (31), a 1ª Conferência Macrorregional de Saúde do Trabalhador. O evento será no auditório do Bom Jesus/Ielusc, Unidade II. Um dos temas que devem gerar debates são os acidentes de trabalho seguidos de mutilações e mortes.

Segundo levantamento do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) de Joinville, nos três primeiros meses deste ano 31 pessoas morreram em acidentes de trabalho. Esse número é quase o mesmo que o registrado ao longo de todo o ano passado, quando 35 trabalhadores morreram por acidente no trabalho.

A coordenadora do Cerest, Maíres Baggio, explica que um dos motivos desse balanço é o maior rigor na notificação dos acidentes pelas instituições de saúde. No ano passado o Cerest registrou 394 acidentes de trabalho considerados graves com mutilação.

As definições dessa etapa serão levadas ao encontro estadual, com o objetivo de discutir a implementação da Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, a ser estabelecida na 4ª Conferência Nacional, em novembro.

A secretária executiva do Conselho Municipal de Saúde, Sandra Helena Camilo Bado da Cruz, explica que durante o evento, uma votação entre os inscritos vai indicar até 84 delegados para a conferência estadual, em junho.

A Conferência reunirá 13 municípios da região nordeste de Santa Catarina: Joinville, Araquari, Balneário Barra do Sul, Barra Velha, Corupá, Garuva, Guaramirim, Itapoá, Jaraguá do Sul, Massaranduba, São João do Itaperiú, São Francisco do Sul e Schroeder. Os trabalhos são realizados pelo Cerest.

Fonte: Secretária de Comunicação de Joinville.

O que são cáries?

cáriesA cárie é uma doença infecto-contagiosa que pode causar a perda dos dentes se não for tratada a tempo.

Esta doença é provocada por bactérias que estão constantemente em nossas bocas, e que juntas com os restos de alimentos em nossos dentes desenvolvem a cárie. As bactérias produzem ácidos que se unem aos restos de comida grudados nos dentes fazendo buracos nos dentes. Quando a cárie é muito profunda, provoca muita dor, principalmente quando comemos doces ou quando ingerirmos líquidos gelados.

Para evitar que isso aconteça, não existe forma melhor do que a prevenção, seguindo as regras básicas de higiene bucal. Tudo começa com a escolha de uma boa escova de dente. Dê preferência a escovas macias, que não machuquem a gengiva nem os dentes. As cerdas (aqueles fios transparentes) devem ser arredondadas. As escovas devem ser trocadas a cada 2 ou 3 meses quando as cerdas estivarem gastas ou tortas.

Os dentes devem ser escovados todos os dias, no mínimo três vezes ao dia, de preferência após as refeições. A escovação deve começar do lado de fora (o lado voltado para as bochechas) dos dentes e depois o lado de dentro (o lado voltado para a língua).

Primeiro mantenha os dentes fechados e faça movimentos circulares com a escova de dente por toda a pare te fora dos dentes. A parte de dentro deve ser escovada com movimentos de vaivém. Os últimos dentes (aqueles lá do fundo) devem ser muito bem escovados, pois são eles que mais trabalham quando mastigamos, sendo os mais sensíveis as cáries. A língua também deve ser escovada, no mínimo uma vez por dia. O uso do fio dental é recomendado, inclusive para crianças.

Do EBC.

Vida mais saudável evitaria 37 milhões de mortes prematuras

vidamaissaudeCerca de 37 milhões de mortes prematuras poderiam ser evitadas até 2025 no mundo se a população adotasse um modo de vida mais saudável, sem cigarros, álcool ou alimentação salgada, conclui estudo divulgado hoje (3).

Os cientistas do Imperial College de Londres estimam que a eliminação ou a redução de seis fatores de risco para a saúde poderá evitar ou retardar a morte prematura de 37 milhões de pessoas, de acordo com o trabalho publicado na revista médica britânica The Lancet.

Os objetivos de vida mais saudável consistem em reduzir de um terço à metade o consumo do tabaco, limitar em 10% o álcool, diminuir em 30% a quantidade de sal consumida, reduzir em 25% o número de pessoas que sofrem de hipertensão e parar o aumento de obesos e diabéticos.

Esse esforço permitiria evitar ou adiar, até 2025, mais de 16 milhões de mortes entre a população mundial entre os 30 e os 70 anos e evitar 21 milhões de óbitos prematuros depois dos 70.

Os dois elementos preponderantes para agir sobre a esperança de vida são o tabaco e a hipertensão arterial, que são um fator de risco importante para as doenças cardiovasculares, que podem ser combatidas com medicamentos, a prática de exercício físico e a redução do consumo de sal.

Do EBC.

Você sabe como como solicitar o seu Cartão SUS?

susO que é?

É um documento projetado para facilitar o acesso à rede de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) e conter dados sobre quando e onde o paciente foi atendido, quais serviços foram prestados e por qual profissional e quais procedimentos foram realizados.

Qual sua importância?

Os objetivos do Sistema Cartão Nacional de Saúde são organizar e sistematizar dados sobre o atendimento prestado aos usuários; dotar a rede de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) de um instrumento que facilite a comunicação entre os diversos serviços de saúde;  fornecer informações sobre uma pessoa usuária do SUS em qualquer ponto do País; e gerar dados confiáveis e atualizados que permitam planejamento e intercâmbio de conhecimento para subsidiar a elaboração e execução das políticas públicas de saúde.

Onde pedir?

É possível imprimi-lo em todos os municípios do Brasil. O ideal é que o cidadão tenha o seu Cartão Nacional de Saúde entregue no seu atendimento pelo SUS.

Quanto custa?

O cartão é fornecido gratuitamente.

Quem pode tirar?

O cadastro é feito em hospitais, clínicas e postos de saúde ou locais definidos pela secretaria municipal de saúde, mediante a apresentação de RG, CPF, certidão de nascimento ou casamento. Seu uso facilita a marcação de consultas e exames e garante o acesso a medicamentos gratuitos.

Do Portal Brasil.

Pacientes com doença renal crônica têm novos serviços

doençasAs pessoas que sofrem com doenças renais têm algumas conquistas a comemorar. É que a Secretaria de Atenção à Saúde acaba de autorizar a inclusão de novas ações na tabela de procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS) referentes a procedimentos ligados ao cuidado da pessoa com a doença renal crônica. Medida foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (7).

Uma das novidades se refere à medicação. Segundo a portaria, a partir de agora o SUS vai cobrir as dosagem de hemoglobina glicosilada, de sódia, de 25 hidroxi vitamina D, de hormônio tireoestimulante e de Tiroxina.

Os pacientes também terão direito a hemocultura (que pesquisa bactérias no sangue), exame de caracteres físicos com contagem global e especifica de células, gasometria, entre outros.

Com as novas medidas consideradas na tabela de procedimento do SUS, pacientes portadores do vírus HIV terão direito a pesquisa de anticorpos iGG contra antigeno central da hepatite B.

Para hemodiálise pediátrica, a criança com  problema renal terá direito a ultrassonografia do aparelho urinário e eletrocardiograma.

Nos casos de pacientes no estágio pré diálise, dosagens de cálcio, creatinina, fósforo, proteínas, potássio, ferro sérico, ureia, entre outros, também foram incluídas na tabela.

Do Portal Brasil.

Hospital Regional de Joinville realiza Simpósio Obesidade Mórbida e Encontro de Cirurgia Bariátrica

obesidadeEstão abertas as inscrições para o 4º Simpósio de Obesidade Mórbida e o 4º Encontro Joinvilense de Cirurgia Bariátrica do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, de Joinville. Os eventos acontecerão simultaneamente nos dias 27 e 28 de março, das 8h às 18h, na Câmara de Vereadores de Joinville.

Segundo o diretor do Hospital Regional de Joinville, Hercílio Fronza, o simpósio e o encontro têm o objetivo de divulgar ações no tratamento da obesidade mórbida realizadas pela equipe do hospital. “Vamos disseminar conhecimento técnico na área de cirurgia bariátrica e promover o debate sobre as técnicas terapêuticas existentes no tratamento da obesidade”.

Os eventos disponibilizam 300 vagas e as inscrições seguem até acabarem as vagas. Para participar, os interessados devem acessar o blog do hospital, no endereço  http://www.hrhds.blogpost.com/. Também é possível se inscrever encaminhando um e-mail para cephrhds@gmail.com ou dephrhds@saude.sc.gov.br .
Podem participar profissionais da área da saúde e a comunidade. Indo aos dois dias de atividades, os participantes ganharão um certificado. A iniciativa é do serviço Obesimor do Hospital Regional, com o apoio da Associação dos Obesos Mórbidos (Assebesimor).

O que é Obesimor?

Obesimor é um programa do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt, que atende portadores de obesidade mórbida desde 2002. Em 2007 o Hospital Regional de Joinville recebeu o credenciamento para a realização de cirurgia bariátrica. O grupo realiza reuniões mensais com pacientes, familiares e cuidadores para uma melhor compreensão das etapas do tratamento do portador de obesidade mórbida, além de diversas atividades que ocorrem durante o ano.

Mais informações no blog http://obesimor.blogspot.com.br/

Fonte: Portal Servidor.

Vacinação contra HPV começa hoje

hpvO Ministério da Saúde inicia na próxima segunda-feira (10) a vacinação contra o papiloma vírus humano (HPV), principal causador do câncer de colo de útero. Meninas de 11 a 13 anos devem ser imunizadas em três momentos distintos, sendo a segunda dose aplicada seis meses após a primeira. A terceira deve ocorrer cinco anos depois.

Em entrevista à Agência Brasil, o secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, explicou que a pasta está orientando estados e municípios a aplicar a primeira dose nas próprias escolas. Segundo ele, países como Austrália e Reino Unido adotaram a estratégia e obtiveram altos índices de cobertura vacinal. “Adolescente não é um público que frequenta postos de saúde. Mas, a partir da segunda dose, é preciso procurar uma unidade de saúde”.

Jarbas destacou que a imunização é uma ferramenta de prevenção, e que, após o início da vida sexual, a menina deve se submeter também ao exame conhecido como papanicolau. Ele lembrou que a vacina protege dos subtipos 16 e 18 do HPV, mas não de todos os subtipos do vírus nem das demais doenças sexualmente transmissíveis (DST). Por isso, a recomendação é usar preservativo nas relações.

“O papanicolau protege o presente. O HPV é muito infectivo e, aos 25 anos, por exemplo, mulheres com vida sexual ativa já tiveram contato com o vírus. O que elas têm que fazer é o papanicolau”, disse. “Vacine tranquilamente. Vai ser uma ocasião importante e uma oportunidade para a mãe agendar o papanicolau”, completou.

Do Portal Brasil.

Os 89 profissionais que abandonaram o programa Mais Médicos foram descredenciados pelo governo

Após ser comunicado sobre os 89 profissionais faltosos, o Ministério da Saúde publicou a lista com os nomes no Diário Oficial da União e deu 48 horas para que os profissionais se manifestassem. O prazo venceu na sexta-feira, 14.

Nesta quarta, o ministério informou que, do total de profissionais convocados a se manifestar, 30 procuraram (28 brasileiros e 2 intercambistas) a pasta para informar que não têm interesse em continuar no programa e foram desligados. Os demais, incluindo os 4 cubanos, não se manifestaram e também foram descredenciados.

Apenas os nomes dos quatro cubanos desligados foram publicados no Diário Oficial da União para que fosse oficializado o cancelamento do registro profissional provisório emitido pelo Ministério da Saúde. Eles não podem mais exercer a medicina no País. Os demais profissionais não tiveram seus registros emitidos pela pasta, por isso o desligamento é feito internamente, sem a publicação.

Cubanos. Além de Ortelio Jaime Guerra, que trabalhava no município paulista de Pariquera-Açu, fazem parte do grupo de cubanos descredenciados Anisley Perez Liriano, que trabalhava em Rio do Antônio (BA), Jose Armando Corzo Gomez, que atuava em Timbiras (MA), e Luis Enrique Marzo Herrera, que atendia em Belém de São Francisco (PE).

A cubana Ramona Matos Rodríguez, que abandonou o programa no início de fevereiro e pediu refúgio ao País, não entrou na lista porque tornou pública sua desistência do programa.

Do Estadão.