Opinião: Aumento de salários no STF é uma afronta à inteligência brasileira

Esse aumento salarial que o STF deseja, ainda com um adicional de 5% a cada cinco anos de serviço, é uma afronta a inteligência média brasileira! Aproveitando a fumaça eleitoral, o lodaçal de toda campanha eleitoral onde todo mundo se suja, com todo o jeitinho tentam passar tal absurdo!

É um desrespeito a um povo que luta todos os dias por mais dignidade, melhores salários e condições de trabalho, com um salário mínimo ridículo, e os magistrados puxam a fila do trem do aumento… lamentável, para dizer pouco!

Este país não muda porque há setores, castas, encastelados em postos chave da República, que jamais concederão espaço para a verdadeira emancipação dos brasileiros. Essa é a verdade.

Se desejam mesmo o sucesso do país em momento de crise, porque não há o sacrifício que todos os homens e mulheres comuns se expõem todos os dias na labuta diária por parcos salários?

Deveria partir dessa elite judiciária o primeiro passo em direção a igualdade social, retirando esse vergonhoso pedido de aumento salarial para apenas R$ 36 mil… que peninha deles…

E com o adicionalzinho, chegarão a poucos R$ 40 mil, vejam só, sem contar as vantagens dos cargos… Não são só os políticos os responsáveis por um país que não consegue avançar, há também o judiciário, legislativos, executivos, mas tudo começa lá de cima…

Seria honroso, e todos os brasileiros tirariam o chapeú aos ministros do STF, se retirassem tal pedido por tempo indeterminado. Assim, mais uma sangria vergonhosa aos cofres públicos, e aos nossos bolsos por consequência, seria detida, para o bem do Brasil!

Será que eles topam? E você brasileiro e brasileira, o que pensa disso? O que fará para denunciar e tentar evitar tamanha desfaçatez?

* escrito por Salvador Neto, editor do Palavra Livre, jornalista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.