Torcedor: cuidado com o coração!

infarSegundo o médico cardiologista e membro da Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas, Maurício Pimentel, no Brasil não existe uma pesquisa oficial sobre o aumento do número de infartos por causa de emoções fortes, mas há um consenso de que em situações de maior carga de adrenalina, como grandes eventos esportivos; assim como em grandes tragédias e terremotos, sempre ocorre um pico de eventos coronarianos ou situações de infarto do miocárdio.

O médico recomenda que quem tem problemas cardíacos não esqueça de tomar seus remédios, faça tudo com moderação, e se lembre de que mais importante é a própria saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.