Saneamento: nova ETE dos Espinheiros entra em funcionamento dia 20/11

Mais um passo no avanço do tratamento de esgoto de Joinville, e consequentemente na qualidade de vida de toda a cidade, será dado com a inauguração da ETE Espinheiros. A Estação de Tratamento, somada à implantação da rede de esgoto, tem investimento de cerca de R$ 10 milhões, e capacidade para atender mais de 10 mil pessoas. A cerimônia está marcada para o dia 20/11 (terça).

O tratamento de esgoto beneficia diretamente a população que vive às margens da Baía da Babitonga e Lagoa do Saguaçu. “A Estação vai atender todo o bairro Espinheiros, que hoje tem aproximadamente 8 mil moradores, com possibilidade de ampliação para atender uma população de mais de 13,5 mil”, diz Grasiela Breis, coordenadora das estações de tratamento de esgoto da Companhia Águas de Joinville. “A ETE Espinheiros vai ajudar a melhorar a paisagem da Lagoa do Saguaçu e também a vida da comunidade de pescadores do local”, aponta Luiz Alberto de Souza, presidente da Companhia.

A nova ETE, diferentemente das lagoas de estabilização utilizadas no atual sistema do Jarivatuba, terá sistema fechado. Além de monitoramento com acesso remoto, possui tecnologia para manter a concentração de matéria orgânica e vazão constantes, graças à presença de um equalizador. Esta estabilidade permite maior controle de todo o processo.

“O monitoramento remoto e o equalizador farão da ETE Espinheiros a estação mais automatizada de Joinville, e uma das mais modernas do estado”, revela a bióloga da Águas de Joinville Cláudia Rocha. A ETE Espinheiros também terá uma Estação de Tratamento de Lodo (ETL) própria, que permitirá que o excesso de lodo, resultante do tratamento, seja devidamente descartado em aterro.

Agentes socioambientais da Companhia, por meio de visitas e folders explicativos, já informaram os moradores do bairro sobre como ligar corretamente o esgoto doméstico à rede, e sobre os cuidados para não ligar a rede de drenagem ou de piscinas ao sistema. Agora os moradores começam a receber mais uma visita dos agentes, que estão avisando que as ligações à rede de esgoto já podem ser feitas.

Embora o prazo para a interligação à rede seja de 120 dias, contados a partir da data do aviso, a Companhia Águas de Joinville recomenda que as ligações sejam feitas o quanto antes. Segundo o engenheiro Michel Bitencourt, coordenador de fiscalização de obras da Companhia, a ETE não apresenta odor, desde que haja uma carga mínima para funcionar plenamente. “Quanto mais cedo os moradores se ligarem à rede, mais cedo essa carga mínima será atingida”, afirma.

Hoje, a Companhia Águas de Joinville investe mais de R$ 300 milhões em melhorias nos serviços de saneamento básico da cidade, tanto na implantação de rede de esgoto como em melhorias na distribuição de água.

Inauguração da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) ESPINHEIROS:

Quando: 20/11/2012 –  terça-feira

Horário: 10h

Onde: final da Rua Francisco R. Miranda – bairro Espinheiros / lateral da Rua. Pref. Baltazar Buschle

Investimento: Cerca de R$ 10 milhões.

População beneficiada: aproximadamente 8.000 pessoas.

Rede de esgoto: 32,3 km, com 12 estações elevatórias (locais onde se faz o bombeamento do esgoto)

Vazão: 21 litros por segundo

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.