Dança Flamenca: Joinville terá espetáculo dia 30 de novembro no Juarez Machado

A Escola de Dança Flamenca Compás y Arte, de Joinville, realiza o espetáculo “Ida y Vuelta” no dia 30 de novembro. O evento será às 20h30 no Teatro Juarez Machado. O público poderá prestigiar uma noite que mescla dança e literatura. A apresentação é inspirada nos poemas e na biografia do poeta pernambucano João Cabral de Melo Neto.

O projeto foi contemplado pelo Edital de Apoio à Cultura 2012, do Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultura (Simdec), da Fundação Cultural e Prefeitura. Os ingressos antecipados terão 50% de desconto com 1kg de alimento não perecível até o dia 27/11 e podem ser adquiridos em dois pontos de vendas: loja Lumino – Iluminação e Café Fino Sabor (detalhes abaixo).

O título do espetáculo marca o período das idas e vindas do poeta e escritor João Cabral de Melo Neto do Brasil para a Espanha e vice-versa, visto que durante 12 anos também atuou como diplomata brasileiro em território espanhol. Neste período, o autor descobriu mais do que um lugar para exercer a sua função diplomática, criando as suas obras referendadas por sentimentos mixados pelas vivências do Nordeste e da Andaluzia.

Assim, foi reconhecido como um poeta de dois mundos, o da partida e o da chegada, o de ‘ida’ e o de ‘vuelta’. O poeta do Recife e o poeta de Sevilha. O tema  também faz alusão aos palos (ritmos flamencos) originados pela fusão da cultura espanhola e americana a partir do período de migração ocorrido no final do século XIX, do qual nasceram palos como: Guajiras, Colombianas, Milongas e Rumbas.

O público poderá prestigiar por 60 minutos uma viagem a Espanha ao som dos ritmos flamencos, dos poemas ‘A palo seco’ e ‘Estudos para uma bailaora andaluza’ (do referido poeta) e da performance das alunas bailaoras. Dirigido pelas professoras de flamenco, Adriana Alves Vieira e Suraya Helayel, o grupo vai aproximar dos expectadores recortes da essência espanhola por meio da expressão corporal, facial, postura firme, gestos de mãos e braços, pés em sapateado, figurinos e acessórios típicos.

Este conjunto de movimentos que incitam os sentidos: “A música me faz dormir e o flamenco me faz acordar”, como relatou João Cabral de Melo Neto em trecho do documentário de sua biografia Recife/Sevilha.

Grupo Compás y Arte
O Grupo Compás y Arte realiza o terceiro espetáculo anual: o ano de 2009, em dezembro, plantou a primeira semente reunindo um grupo de bailarinos inovando com uma noite flamenca denominando “Compás y Arte”, posteriormente originando o nome do grupo. Em 2010, estreou com o espetáculo El Viento; em 2011 apresentou Fuerza Gitana e agora traz “Ida y Vuelta”.

AGENDA:

O que: Espetáculo de Dança Flamenca “Ida y Vuelta”
Quando: 30 de novembro (sexta-feira)
Local: Teatro Juarez Machado
Horário: 20h30

Ingressos: antecipados até 27/11 terão 50% de desconto com 1 Kg de alimento não perecível até o dia 27/11 (valor R$10 com desconto) também valendo como meia-entrada para idosos e estudantes – precisam apresentar carteirinha.

Pontos de vendas: loja Lumino – Iluminação (rua Max Colin – 1134 – sala 2 – 3026.1212) e Café Fino Sabor – dentro da Academia Summit (rua José de Alencar, 140, esq. com rua Blumenau)

Informações: 9911.9198 e pelo email compasyarte@gmail.com / blog: compasyarte.blogspot.com

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.