“Vocês vão ficar milionários” – Quem vereador?

Causa espanto essa frase em você? Causou mais espanto ainda nos moradores das chamadas ARTs, Áreas de Transição Rural da Estrada da Ilha, do entorno da futura UFSC e do Paranaguamirim, que ouviram isso do vereador do DEM, Alodir Alves de Cristo, o Cristo nessa história. Os vereadores aprovaram emenda ao projeto da nova Lei de Ordenamento Territorial que muda o tamanho de lotes nessas regiões, alterando o texto original já aprovado. Ou seja, forças ocultas, ou nem tão ocultas assim atuam fortemente nos bastidores da Casa de Leis para impor seus interesses.

Ah, a frase, é verdade! A frase acima está no jornal A Notícia de hoje e deixa algumas dúvidas e propões reflexões. A dúvida é quem ficará milionário com essas mudanças? Ou ainda, se há alguém interessado nessas regiões, moradores, que queiram ficar milionários! Será que a vida consiste somente nisso, em ficar “milionário”? A lógica é somente essa, ou podemos pensar em sustentabilidade, em morar bem, em paz, com qualidade de vida vereadores?

Isso também serve como reflexão para todos nós. Será que essa lógica perversa de em tudo pensar em dinheiro, em vantagens, em se empanturrar de dinheiro é o caminho para toda a sociedade? Por isso o momento do voto é tão sagrado e profundamente importante em nossas vidas, em que pese ainda o eleitorado dizer detestar o mundo da política. Enquanto pensarmos assim, em ficar afastado da política, os grandes grupos de pressão, de especulação imobiliária, e de vários outros segmentos ocupam espaço e fazem valer as suas vontades e interesses em detrimento da maioria.

Vamos ficar de olho nessa lei que agora tentam mudar, novamente. Que interesses milionários seriam esses? Muita atenção é o que se pede a todos os movimentos sociais nessa hora. Depois só vai ser possível o choro sobre o leite derramado.

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.