Colombo e seu pacote para Joinville – Tanto tempo para dizer o que já tínhamos?

Colombo traz presente velho com embrulho novo para Joinville

Fiquei pasmo ao ler hoje matéria no jornal A Notícia sobre anúncios do grande “pacote” de obras do governador Raimundo Colombo para Joinville, maior cidade catarinense. Assinada pelo colega João Kamradt, mostra uma lista da Costa do Encanto, estrada do Ervino e reitera o lançamento de mais um trecho da Costa do Encanto. Nada novo, tudo com cheiro de mofo e pior, após nove meses de governo!

Todas essas obras já estavam garantidas e prontas para sair do papel ano passado, encaminhadas pelo então governador Luiz Henrique da Silveira e seu secretário de Infraestrutura, Mauro Mariani, a quem assessorei em todo esse período. Conheço essa luta, cheia de burocracia, idas e vindas, como tudo na área pública. É piada ver que, agora, somente agora quase no apagar das luzes de seu primeiro ano de governo, Colombo venha trazer notícias velhas, requentadas. Porque não deu ordem de serviço em Janeiro?

O atual governador recebeu votação estrondosa em Joinville e todo norte, nordeste e planalto norte catarinense pelo trabalho político e administrativo do seu antecessor e do atual deputado federal mais votado da história. O que oferece após esse apoio todo da população é a tentativa de embalar algo já garantido em papel novo, com fitinha e tudo?

Senhor governador, respeite a inteligência da nossa gente, e não demore tanto para fazer o que já devia ter mandado fazer, com todos os recursos garantidos. Será essa a tentativa de ser o pai das obras, sem ao menos ter posto a mão na massa, retirando o valor de quem lhe deixou tudo pronto? É o que parece.

Finalmente, agora com essa tragédia de novas cheias, não demore tanto para atender seus iguais que estão afundados n’água por toda Santa Catarina. Nosso estado tem pressa, Joinville tem pressa, e quem foi atingido ainda mais. Vamos trabalhar e deixar de embrulhar presente antigo em embrulho novo.

Ah, e deixe de lado a criação de partidos políticos. Vossa Excelência foi eleito para governar Santa Catarina, e não promover e criar partidos. Estamos fiscalizando, e vamos cobrar!

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

2 comentários em “Colombo e seu pacote para Joinville – Tanto tempo para dizer o que já tínhamos?”

  1. Verdade Janayna, obrigado por participar. A população esquece que política faz parte das nossas vidas, é preciso debater, saber, questionar, criticar, sugerir, avançar e não se esconder e dizer: “esses políticos corruptos, não fazem nada”. Afinal eles foram eleitos e vários, reeleitos, por nós mesmos. Então, temos de olhar e enxergar sim as coisas e participar.

  2. Como diria um amigo meu… “a tendencia eh soh piorar…” Li, outro dia, um post publicado no Facebook que retrata como os valores dos brasileiros estao distorcidos, antigamente o povo iria para rua para lutar pelos seus direitos civis e fazer parar a sem vergonhice dos governos, famosos caras pintadas…, hoje o povo vai para a rua para qualquer tipo de “parada”, menos para qualquer coisa civica. E o que podemos ver eh o resultado desses valores distorcidos, pouca vergonha e desrespeito com todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.