Banda do 62º BI homenageia soldados no Concerto Matinal

Neste domingo (28/08) a Fundação Cultural de Joinville (FCJ) apresenta mais uma edição do projeto “Concertos Matinais”. A Banda do 62º BI participa do concerto com uma homenagem ao Dia do Soldado, comemorado no dia 25 de agosto. A apresentação será realizada às 10h30 no auditório do 62º Batalhão de Infantaria – Francisco de Lima e Silva.

Sob a regência do 1º Tenente Carlos e dos Sub Tenentes Givaldo e Tavares, a banda apresenta um repertório diversificado com canções populares até o dançante axé. Esta edição dos Concertos Matinais é uma realização da Fundação Cultural de Joinville (FCJ) com o apoio do 62º Batalhão de Infantaria. A entrada é aberta ao público e gratuita. Não perca!

Programa:

– Canção Do Expedicionário – Guilherme de Almeida | Spártaco Rossi

– Verdade Chinesa – Carlos de Carvalho Colla

– Côco Ta-Ra-Ta-Tá – Geraldo Medeiros

– Ponte do Rio Kwai – Kenneth Alford

– Nessun Dorma (Trecho da Opera Turandot) – Giacomo Puccini

– Lili Marlene – Norbert Schultze | Sd. Hans Leip

– Disparada – Geraldo Vandré | Theo de Barros

– Odeon (Quinteto de Trombones) – Ernesto Julio de Nazareth | Ubaldo Leal

– Na Base do Beijo – Carlos Alain Tavares da Silva

– Brasileirinho – Waldir  Azevedo

– R.B.S. 20 – Antônio Macedo (Mestre Macedinho)

– Canção do Exército – Alberto Augusto Martins / Teófilo de Magalhães

*Confira um pouco da apresentação da Banda do 62ºBI no vídeo http://www.youtube.com/watch?v=PbDNBBFfSp4&feature=related

Serviço

O quê: Concertos Matinais com Banda do 62º BI

Quando: domingo (28/08) às 10h30

Onde: 62º Batalhão de Infantaria

Rua Ministro Calógeras, 1.200 – Atiradores

Quanto: Gratuito

Informações: (47) 3433.2190 com Rodrigo

Fundação Cultural de Joinville (FCJ)

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.