Renda do trabalhador manterá crescimento do País

O economista Sérgio Mendonça, do Dieese, acredita que uma garantia de que o crescimento do País vai continuar está justamente no rendimento do trabalhador, que sustentará o consumo. “Será um colchão de sustentação. Esse é o nosso grande trunfo para dizer que a economia continuará crescendo em 2011”, afirmou nesta quarta ao apresentar a pesquisa de emprego feita pelo Dieese e pela Fundação Seade .

O coordenador de análise do Seade, Alexandre Loloian, considera absurdo dizer que os salários contribuem, de alguma maneira, para a inflação. Na região metropolitana de São Paulo, por exemplo, o rendimento de fevereiro é menor que o de igual mês de 2001. “Dizer que os salários estão altíssimos e comprometem o poder de competitividade da indústria brasileira é, no mínimo, mais um mito”, afirma.

Na comparação mensal, o rendimento médio dos trabalhadores ficou em R$ 1.377 em fevereiro, 5,1% maior que em fevereiro do ano passado.

Desemprego tem ligeira elevação observa Dieese
A taxa de desemprego calculada em sete regiões brasileiras pelo Dieese e pela Fundação Seade subiu em março para 11,2%.

Essa taxa corresponde a uma estimativa de 2,4 milhões de trabalhadores desempregados, 133 mil a mais do que em fevereiro.

O comportamento é visto pelos técnicos como normal para o período. “É um movimento típico desta época do ano”, explica o economista Sérgio Mendonça, do Dieese.

Um dos motivos da subida pode ser explicado por ser um mês de planejamento das empresas, quando elas não contratam.

No ABC a taxa também subiu, passando de 9,6% para 10,7%, o que da aproximadamente 144 mil pessoas sem trabalho.

A Pesquisa é realizada no Distrito Federal e nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo.

SMABC

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.