Aula de música será obrigatória. A escola de seu filho esta preparada?

Agosto é a data limite para que toda escola (pública ou privada) do Brasil inclua o ensino de música em sua grade curricular. E não é uma exigência de última hora: a Lei com esta obrigatoriedade foi sancionada em 2008.

Será que a escola do seu filho está preparada para ensinar música e, mais ainda, ensinar com qualidade?

A obrigatoriedade é comemorada por especialistas. “A gente só pode ficar contente com a ideia de que milhões de alunos vão ter a possibilidade de, no mínimo, se concentrar e ouvir música em um contexto favorável para que isso seja produtivo”, diz o diretor artístico da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), Arthur Nestrovski.

Arthur leva esta defesa para a prática: a frase foi dita minutos antes de subir no palco na Sala São Paulo, ontem, para encantar uma plateia de professores ao ministrar uma aula-show em companhia do compositor José Miguel Wisnik e mostrar como a bagagem cultural é importante no ato de lecionar.

E você? O que pensa sobre aulas de música na escola? Acha que as escolas estão preparadas?

Educar para Crescer

Salvador Neto

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.