Petrobras investirá até R$ 265 bi no Plano de Negócios 2011-2014

A Petrobras divulgou nota oficial na noite de segunda -feira (29) informando que o Conselho de Administração aprovou, em reunião em Brasília, a atualização da carteira de projetos para o período 2011/2014, que prevê investimentos no período de até R$ 250 bilhões.

O volume de investimentos é inferior aos R$ 265 bilhões aprovado em reunião anterior e divulgado em comunicado no dia 19 deste mês, junto com o balanço financeiro de 2009. A nota informa que os valores aprovados foram incluídos no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC-2) anunciado também ontem pelo governo federal e que prevê investimentos de quase R$ 1 trilhão.

A Petrobras informou que o conselho também aprovou, para o período posterior a 2014, um conjunto de projetos que totalizam investimentos de aproximadamente R$ 462 bilhões, e que também foram incluídos no PAC 2. Os projetos foram avaliados com base em visão preliminar, dado o grau de conhecimento atual, e alinhados à Visão 2020 do Plano Estratégico da Companhia.

A nota da Petrobraas informa também que serão realizados investimentos para melhorar a qualidade dos derivados, atendendo aos padrões internacionais e ambientais mais rigorosos. O plano também prevê investimentos em novas fábricas de etanol e biodiesel e infraestrutura para escoamento da produção de etanol.

Com informações da Petrobrás

Autor: Salvador Neto

Jornalista, escritor, e consultor. Editor do Palavra Livre, apresentou o programa de entrevistas Xeque Mate na TV Babitonga Canal 9 da NET entre 2012/2014 e vários programas de rádio em SC. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de jornalismo, comunicação, marketing e planejamento. É autor dos livros Na Teia da Mídia (2011) e Gente Nossa (2014). Tem vários textos publicados em antologias da Associação Confraria das Letras, onde é membro fundador e foi diretor de comunicação. Como freelance, escreve para vários veículos de comunicação do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.